Português BR Deutsch English Espanhol
Notícias

ECOB RJ é sucesso de público em edição inédita no formato de Webinar



08-12-2020 O Encontro de Comitês de Bacias Hidrográficas do Estado do Rio de Janeiro, ECOB, é sucesso de público a cada edição. Este ano, devido às medidas de isolamento social para a prevenção contra o novo Coronavírus, o evento teve que se adaptar para uma versão online. No entanto, mesmo em formato de Webinar, o público se mostrou presente e participativo até o fim durante cada dia.

Foram registradas cerca de 200 inscrições. Em relação às visualizações no canal do Comitê Médio Paraíba do Sul no Youtube, foram 582 no primeiro dia, 418 no segundo e 355 até o fechamento desta publicação, uma média de 450 visualizações das transmissões ao vivo do VIII ECOB RJ.

Nesta edição, o ECOB teve como palestrantes convidados no primeiro dia: Márcio de Araújo Silva, representando a Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), com o tema "Panorama Nacional sobre a construção de Planos de Bacias", além da representante da Secretaria de Estado do Ambiente e Instituto Estadual do Ambiente (Inea/SEAS), Gisele Boa Sorte, trazendo o tema "Construção do Plano Estadual de Segurança Hídrica e sua interface com os Planos de Bacia".

No segundo dia do ECOB, foram três palestrantes: Isaac Volschan Júnior (Escola Politécnica/UFRJ), apresentando o tema "O desafio da universalização do tratamento de esgoto com a coleta em tempo seco"; Percy Soares (ABCON), com "O papel das concessões na universalização do acesso à água e esgoto tratados" e Miguel Alvarenga Fernández y Fernández (ABES-Rio) com o tema "Um olhar sobre  a concessão dos serviços de água e esgoto no Rio de Janeiro".

Já o terceiro e último dia de ECOB contou com quatro palestrantes: Sérgio Ayrimoraes, da ANA, falando sobre "A integração do Marco do Saneamento e a operacionalização dos Planos de Bacia"; Marcos Von Sperling (UFMG) que apresentou sobre o "Tratamento de esgotos e a remoção dos principais poluentes", Fernando Setembrino Meirelles (UFRGS) com o tema "O desafio do enquadramento dos corpos hídricos nos planos de bacias, sob o olhar do novo Marco Legal do Saneamento" e, por fim, Carlos Bortoli, representante da empresa Profill Engenharia, tratou sobre "A abordagem do saneamento na construção dos Planos de Recursos Hídricos".

O ECOB manteve a tradição de priorizar os debates e foi registrada significativa participação do público com perguntas feitas pelo chat do Youtube e encaminhadas diretamente aos palestrantes através de um moderador. Com isso, manteve-se a característica de gerar uma profunda reflexão e despertar o interesse do público em diferentes assuntos levantados, promovendo assim a gestão participativa dos recursos hídricos que é uma das principais atribuições de um comitê de bacia.

Com o tema "Plano de Bacia e Saneamento Básico", o ECOB aconteceu nos dias 1, 2 e 3 de dezembro, das 19h às 21h30, em formato de webinar com transmissão ao vivo pelo Youtube no canal do Comitê Médio Paraíba do Sul. Na parte da tarde, durante os dois primeiros dias de ECOB aconteceu o Webinar Rede Nacional Fóruns de Juventudes em Recursos Hídricos.

Quem não pôde acompanhar o evento, os vídeos dos três dias podem ser acessados no canal do Comitê Médio Paraíba do Sul no Youtube. Basta clicar no link: https://bit.ly/2Z66jYb . Já o conteúdo transmitido no período da tarde pelo canal EUCUIDODERIOS está disponível no link https://bit.ly/3nmA0xN.

Sobre o Fórum Fluminense
O Fórum Fluminense de Comitês de Bacias Hidrográficas é uma instância colegiada formada pelos Comitês de Bacias Hidrográficas do Estado do Rio de Janeiro legalmente instituídos. São eles:

o Comitê de Bacia Baía da Ilha Grande, o Comitê Guandu, o Comitê Médio Paraíba do Sul, o Comitê Piabanha, o Comitê Baía de Guanabara, o Comitê Lagos São João, o Comitê Rio Dois Rios, o Comitê Macaé e das Ostras e o Comitê Baixo Paraíba do Sul e Itabapoana.

Criado com a missão de articular a implementação e promover a integração e a gestão das águas nestes Comitês, o Fórum Fluminense visa o fortalecimento dos mesmos como entes do Sistema Estadual de Gerenciamento dos Recursos Hídricos – SEGRHI. O Fórum também tem a responsabilidade da organização do Encontro Estadual de Comitês de Bacias Hidrográficas.

Outras Notícias

Mais Notícias »